18 de abr de 2010

Avaí e Figueirense decidem título do Returno na Ressacada

Leão joga pelo empate para ser campeão e enfrentar o Joinville
Nada melhor do que inundar o ritmo de decisão com o balanço de uma melodia. Créu ou rebolation? Duas torcidas separadas no amor pelo clube, curtindo um balanço diferente, mas só uma vai dançar de alegria ao final. A outra, dança, de vez, no campeonato. E isso tudo acontecerá neste domingo, às 16h, no estádio da Ressacada, palco onde Avaí e Figueirense vão definir quem enfrenta o Joinville na final do Catarinense.
O funk créu foi adotado num clássico de 2008, pelo torcedor avaiano como símbolo da volta das vitórias nos clássicos. A galera do Figueirense aproveitou a explosão do axé rebolation para responder, com animação, à provocação adversária. Ao apito final, só uma torcida, só um lado, o azul ou alvinegro, vai ecoar e balançar no Estádio da Ressacada. E ganhará passaporte para continuar dançando na final do campeonato. Lá está à espera o JEC.
Esperar. Esse foi o verbo mais conjugado pelo técnico Péricles Chamusca, na Ressacada. Às vésperas do clássico contra o Figueirense, que decide o segundo finalista do Estadual, o treinador avaiano ainda não sabe com quais jogadores poderá contar para o confronto.

Pelo menos três titulares correm o risco de desfalcar a equipe: o zagueiro Emerson, o meia Sávio e o atacante Vandinho. Emerson recupera-se de uma fratura na mão direita, enquanto Sávio e Vandinho sofreram lesões musculares na partida contra o Grêmio, em Porto Alegre, pela Copa do Brasil.

Dos três, Emerson é o que tem mais chances de atuar. O jogador treinou em separado, ontem, com uma proteção na mão machucada e pode reaparecer na zaga.

Quem está fora de combate é o atacante Leonardo, que sofreu uma entorse no tornozelo esquerdo diante do Brusque, há uma semana, e ainda não se recuperou. Outro desfalque certo é o lateral-direito Patric, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

Com tantos problemas para resolver, o time que Chamusca mandará a campo é uma incógnita.

— A gente vai esperar. O espaço é curto e preciso trabalhar com todas as opções. Temos muitos jogadores pendentes hoje, e essas pendências irão definir o time — afirmou.

O treinador do Avaí gostou do desempenho do zagueiro Émerson Nunes, no segundo tempo do jogo contra o Grêmio, pela lateral-direita, e, como não poderá contar com Patric, que está suspenso, ele estuda a possibilidade de improvisá-lo no setor.
— O Émerson (Nunes) tem facilidade para jogador na lateral e é uma alternativa. Vamos avaliar bem essa possibilidade — destacou.

Goiano teve uma semana inteira de trabalho e pôde avaliar bem diferentes alternativas, considerando que a entrada dos substitutos de Lucas e Jeovânio, suspensos, e o retorno de Maicon podem não ser as únicas mudanças.

Os coletivos foram fechados para a imprensa, o último deles, no CFT Cambirela. Depois de ter usado Marcelo Nicácio entre os titulares, quinta-feira, Goiano resolveu testar uma formação com Fernandes na frente, o que não significa que ele será titular. Também pode ser uma opção para o segundo tempo, já que Nicácio, provável titular na vaga de Júnior Negão, afirmou não ter condições de atuar 90 minutos.

— Acho difícil jogar o tempo todo, por estar sem atuar há bastante tempo, mas creio que posso aguentar bem o primeiro tempo e mais 30 minutos do segundo — disse Nicácio.

O treinador despistou e não falou em mudanças no ataque. Além disso, ampliou as possibilidades para o lugar de Lucas na lateral-direita. Apesar de ter descartado o garoto Luan, cogitado no início da semana, ele manteve a dúvida entre Renê e Coutinho, além de criar uma terceira alternativa, menos provável, com a entrada do zagueiro Kadu e o deslocamento de Ygor para a direita, deixando também a dúvida em relação ao meio, que não terá Jeovânio.

Ficha técnica

AVAÍ

Zé Carlos; Émerson Nunes, Rafael, Emerson (Gabriel), Uendel; Marcinho Guerreiro, Batista, Caio, Sávio (Robinho); Robinho (Cristian) e Roberto.
Técnico: Péricles Chamusca.

FIGUEIRENSE

Wilson; Coutinho, João Filipe, Roger Carvalho, João Paulo; Ygor, Juninho, Maicon, Roberto Firmino; Marcelo Nicácio (Fernandes) e Willian.
Técnico: Márcio Goiano.

Arbitragem: Sálvio Spinola Fagundes Filho, auxiliado por Marco Antônio Martins e Luís Alberto Kallenbeger 
Horário: 16h
Local: Estádio da Ressacada
No ar: A CBN/Diário transmite a partida ao vivo e o clicEsportes acompanha o jogo pelo Minuto a Minuto
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

.

Vídeos

Loading...

DICA EMPRESARIAL