9 de dez de 2010

Jean da Silva derruba cinco concorrentes ao título do Brasil Surf Pro 2010

Catarinense enfrenta o cearense Michel Roque nesta sexta-feira



Cristiano Rigo Dalcin
cristiano.dalcin@diario.com.br
http://www.clicrbs.com.br/esportes/sc/
A estreia com vitória na última etapa do Brasil Surf Pro, nas ondas da Praia da Barra da Tijuca, colocou o catarinense Jean da Silva, 25 anos, bem próximo do título brasileiro de 2010. Ele eliminou cinco concorrentes quando derrotou o baiano Flávio Costa no oitavo duelo da quinta-feira de ondas irregulares.

O baiano Bruno Galini, terceiro colocado do ranking, já havia saído da briga ao perder a primeira bateria do dia, para o carioca Simão Romão. Agora, apenas o potiguar Alan Jhones e o paulista Heitor Pereira seguem na disputa com Jean da Silva, que pode ser o primeiro catarinense a conquistar o título máximo do surfe brasileiro.

— Essa bateria foi praticamente igual a que eu tive na Joaquina (SC) com o Robson (Santos), com o mar ficando muito ruim bem na hora da minha estreia — lembrou Jean da Silva.

Tanto Jean como Flávio Costa não conseguiram achar boas ondas diante de uma mar em transformação pela ação do vento maral e da maré cheia. O baiano começou com uma onda fraca, mas Jean reagiu com uma nota 5 e se manteve na frente do placar té o final quando pegou uma terceira onda para trocar a segunda nota e abrir a diferença de dois pontos que garantiu a vitória.

— No finalzinho somei um 4 e fiquei marcando ele, porque ele também precisava de pouco pra ganhar e poderia conseguir isso a qualquer momento — completou.

O próximo adversário de Jean será o cearense Michel Roque, na quarta bateria das oitavas de final. O potiguar e vice-líder do ranking Alan Jhones está escalado na segunda bateria contra o catarinense, Tomas Hermes, autor do maior placar do dia - 15,26 - que despachou o cearense radicado em Florianópolis, Marcio Farney.

Já o paulista Heitor Pereira entra na terceira bateria contra o paraibano Ulisses Meira. Pereira superou o catarinense Guga Arruda, que mesmo com a derrota, garantiu vaga na elite do surfe nacional em 2011.

— Apesar de perder estou na elite e só tenho que comemorar porque esse ano me dediquei mais a fabricação de pranchas (Powerlite) com nova tecnologia. Mas no no que vem irei treinar mais e estarei com foco nos campeonatos — disse Guga, que também terá a companhia de Diego Rosa na elite.

Jean depende apenas de si mesmo para ser campeão, mas o caminho não é fácil, pois poderá ter que derrotar Heitor Pereira nas quartas de final e Alan Jhones na semifinal. Para ficar com o título, Heitor precisaria vencer Jean nas quartas e depois ser o campeão do evento. Já Alan Jhones teria que contar com a eliminação de Jean antes da semifinal para não ter a necessidade de fazer a final. Ou seja, a pressão está toda nos adversários do catarinense.

Com a piora da condições do mar, a direção do evento decidiu não colocar na água as baterias do evento feminino, que tem a surfista de Barra Velha, Gabriela Leite, como única representante de Santa Catarina nas quartas de final. Juliana Quint e Chantalla Furlanetto foram eliminadas na primeira fase.

Baterias programadas para sexta-feira
Oitavas de final:
1ª: Simão Romão (RJ) x Wilson Nora (BA)
2ª: Alan Jhones (RN) x Tomas Hermes (SC)
3ª: Heitor Pereira (SP) x Ulisses Meira (PB)
4ª: Jean da Silva (SC) x Michel Roque (CE)
5ª: Pedro Henrique (RJ) x Ricardo Ferreira (SP)
6ª: Alex Ribeiro (SP) x Alandreson Martins (BA)
7ª: Messias Felix (CE) x Gustavo Fernandes (RJ)
8ª: Hizunome Bettero(SP) x Léo Neves (RJ)
Baterias realizadas nesa quinta-feira:
Terceira fase:
1ª: Simão Romão (RJ) 11.50 x 9.00 Bruno Galini (BA)
2ª: Wilson Nora (BA) 6.27 x 6.00 Jano Belo (PB)
3ª: Tomas Hermes (SC) 15.26 x 8.53 Marcio Farney (CE)
4ª: Alan Jhones (RN) 9.27 x 7.43 Itim Silva (CE)
5ª: Heitor Pereira (SP) 9.50 x 6.07 Guga Arruda (SC)
6ª: Ulisses Meira (PB) x w.o contusão - David do Carmo (SP)
7ª: Michel Roque (CE) 12.10 x 9.80 André Silva (CE)
8ª: Jean da Silva (SC) 9.23 x 7.23 Flavio Costa (BA)
9ª: Pedro Henrique (RJ) 12.00 x 6.50 Jorge Spanner (RJ)
10ª: Ricardo Ferreira (SP) 13.03 x 12.33 Odirlei Coutinho (SP)
11ª: Alandreson Martins (BA) 14.60 x 5.40 Tânio Barreto (AL)
12ª: Alex Ribeiro (SP) 10.10 x 9.34 Rudá Carvalho (BA)
13ª: Messias Felix (CE)  15,60 x 7,77 Igor Morais (RJ)
14ª: Gustavo Fernandes (RJ) 11,50 x 8,40 Franklin Serpa (BA)
15ª: Hizunomê Bettero (SP) 11 x  9,33 Robson Santos (SP)
16ª: Léo Neves 9,33 x 8,33 Renato Galvão (SP)
DIÁRIO CATARINENSE
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

.

Vídeos

Loading...

DICA EMPRESARIAL