29 de nov de 2011

Os 10 mandamentos de uma decoração com emoção

Listas... ah... como gostamos delas, Senhor! E quando se trata de decoração, quantas você já leu, recortou da revista e tentou colocar em prática?

* 7 Erros e acertos na hora de decorar
* Mitos e verdades para uma decoração correta
* 10 dicas infalíveis para decorar seu apê
* Os 20 segredos da decoração barata
* 5 regras para espaços pequenos

Poderia ficar aqui até amanhã inventando 350 temas para listas e mais listas. Mas pra quê elas servem, afinal? Listas deveriam existir para nos orientar, certo? Só que o que elas sempre acabam me dizendo, lá no fundo, é que eu to fazendo tudo errado na hora de decorar. Cor forte em apartamento pequeno? Não pode. Mistura de cores e texturas? Não dá. Espelho aumenta. Cor diminui. Textura polui. Planta alegra. Luz favorece.

E depois de muito matutar, cheguei à conclusão de que o sucesso dessas listas é inversamente proporcional ao esforço que fazemos para mudar a cara da nossa casa. Porque a maioria das listas que eu vejo por aí entregam tudo tão mastigado, mas tão mastigado, que a gente não tem nem que pensar. É ler e copiar - ou obedecer. 
E como estamos sempre nessa vida destrambelhada, correndo de um lado pro outro no piloto automático, ter uma lista na mão nos dizendo o que fazer é quase que um presente divino. No auge da minha vulnerabilidade decorativa, já cheguei a sentir gratidão por ter uma lista na mão me dizendo que, naquele canto, deveria entrar um abajur e ponto final.

Só que, meu amigo, a lista ideal não deveria te ensinar a ter uma casa correta. A lista ideal deveria te ensinar a se reapaixonar pela sua própria casa e como fazer para esse amor só aumentar. Seu apê é um ovo? Sua cor favorita é o azul petróleo? Se joga na tinta, ora olas. Regras, proporções, técnicas e segredos: vão dar uma voltinha ali na esquina rapidinho, pode ser? Porque o lar mais correto é aquele onde você se sente feliz e ponto final.

Por isso, esse blog resolveu fazer uma lista com Os 10 mandamentos da decoração com emoção.  Eu sei, tô correndo sérios riscos de entregar aqui a lista mais sem pé nem cabeça do mundo, que não vai te ensinar nada, nem te dizer o que fazer. Mas vai te ajudar a pensar com os seus próprios botões, te libertar de uma série de "não-podes" e, se tudo der certo, fazer com que você encontre a sua própria técnica para a conquista da felicidade em forma de decoração. 
Nossa lista será composta de poucas imposições e muitos exemplos. Por isso, pra que esse post não dure até depois de amanhã, vamos dividi-lo em uma série de 10 posts. Vamos ao primeiro?

É isso mesmo. Um cantinho. Do jeito que for ou como você entender. O principal  é que você tenha um espaço que é o seu xodó. Que você arrume com carinho, que reúna os seus mimos ou as coisas que você mais gosta na casa. O quê, exatamente? Ah, pensa aí, vai. O principal é montar aquele espaço que você chegue em casa, olhe pra ele e pense: "ah, que bom, finalmente cheguei na MINHA casa".
E como eu já tinha cantado a pedra de que essa lista não ia ser fácil de se entender, muitos e muitos exemplos de cantinhos-delícia pra você se inspirar.




Todos os exemplos acima são da Casa Chaucha. E, abaixo, o meu próprio cantinho, na área de serviço, pra provar que eu também vou seguir à risca a nossa lista. :)



Share:

0 comentários:

Postar um comentário

.

Vídeos

Loading...

DICA EMPRESARIAL