3 de fev de 2012

Confira dicas para evitar dores de cabeça nas férias de verão

Estação é propícia para o aparecimento da cefaleia, que tem várias causas de origem.


Nos meses de verão aumenta o número de pessoas que se queixam de dor de cabeça. Isso porque o calor excessivo pode causar desidratação, o que desequilibra o processo de entrada e saída de sódio das células, causando distúrbio no metabolismo e propensão à cefaleia.

Além disso, outros fatores como exagero no consumo de bebidas alcoólicas, alimentação inadequada, viagens longas, cansaço e a ingestão de alimentos e bebidas muito frios podem ser responsáveis pelo aumento dos casos de dor de cabeça neste período.

Para que o sol e o calor não se tornem os grandes vilões das férias, o melhor é prevenir as cefaleias.

Confira as dicas para manter a cabeça fresca:

— Mantenha o corpo sempre hidratado, com a ingestão frequente de líquidos.

— Proteja os olhos e a cabeça do sol, fazendo o uso de guarda-sol, chapéu e óculos escuros.

— Evite grandes alterações na rotina de sono. A dica é dormir bem e, no mínimo, 8 horas por noite.

— Mantenha uma alimentação saudável, sem exagerar nas gorduras e frituras.

— Evite excessos na alimentação ou jejum prolongado. A variação dos níveis de açúcar no sangue também pode causar dores de cabeça.

Tipos curiosos de dores de cabeça mais comuns:

Cefaleia do esforço físico: São dores que podem ocorrer por qualquer esforço físico: tosse, espirro, evacuação e exercício físico.

Cefaleia por estímulo frio: Ocorre após a ingestão de algum alimento ou bebida muito fria. Cefaleia do sorvete, por exemplo, é um subtipo.

Cefaleia dos óculos de natação ou compressão externa: ocorre quando os óculos de natação, faixas, tiaras ou bandanas apertam muito a cabeça da pessoa.


Fonte: diariocatarinense.clicrbs.com.br

Share:

0 comentários:

Postar um comentário

.

Vídeos

Loading...

DICA EMPRESARIAL