22 de nov de 2012

Fenaostra cancelada é prejuízo para bares e restaurantes


Não somente os maricultores e a empresa responsável pela organização da Fenaostra tiveram prejuízo com seu cancelamento de última hora, antecipado pela imprensa, antes mesmo de qualquer pronunciamento oficial da prefeitura da Capital. Proprietários de bares e restaurantes também reclamam do descaso com que o evento foi tratado e já começam a contabilizar as perdas.

A festa era para ter ocorrido em outubro e foi adiada em função das eleições municipais - fato inédito nos 13 anos consecutivos de realização da feira. Mesmo com um certo ceticismo, todos os envolvidos estavam crentes de que o impasse tinha chegado ao fim e a edição ocorreria neste mês. Porém, o que se viu foi um descaso completo por parte do poder público. Com o turismo e com os maricultores, justamente às vésperas da temporada.

         Para o presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) em Santa Catarina, Fábio Queiroz, o prejuízo será grande. “Além dos insumos adquiridos para a festa, houve também contratação de pessoal, compra e aluguel de equipamentos e outras despesas que pesam em qualquer negócio quando não há o retorno esperado”, explica. Como muitos desses produtos são adquiridos de antemão para a preparação da festa, dá pra ter uma ideia do tamanho das perdas dos participantes. Leonardo Cabral Costa, proprietário do restaurante Freguesia, em Santo Antônio de Lisboa, um dos mais atuantes na história da Fenaostra, lamenta. “Esperávamos vender entre 22 e 25 mil dúzias”, conta.

         Diante deste cancelamento, a expectativa agora fica com a nova administração da Prefeitura de Florianópolis. “A Fenaostra se insere no calendário das festas de outubro e, em todas as outras cidades onde elas ocorrem, tudo é feito normalmente, mesmo em anos eleitorais. Precisamos de um planejamento efetivo, o que não existe. Além disso, é vital contarmos com um secretário de Turismo forte e atuante, que não ocupe apenas uma função política. Nossa cidade não merece ser tratada com este descaso”, indigna-se Queiroz.



André Seben (jornalista)
PalavraCom

Share:

0 comentários:

Postar um comentário

.

Vídeos

Loading...

DICA EMPRESARIAL