19 de abr de 2010

Chamusca: 'Se o campeonato fosse de pontos corridos, o Avaí já era o campeão'

Treinador disse que classificação do Leão para a grande final foi merecida

O Avaí garantiu a vaga na finalíssima do Catarinense ao empatar com o Figueirense em 1 a 1 no domingo. Com o título do Returno em mãos, o Leão da Ilha agora tem pela frente o Joinville, campeão da primeira etapa da competição. O primeiro confronto entre os finalistas está marcado para o próximo domingo, dia 25, às 16h, na Arena.

Em entrevista coletiva após o clássico, o treinador azurra, Péricles Chamusca, disse que o resultado do duelo foi merecido:

— Acho que foi um resultado merecido. Já falei que, se o campeonato fosse de pontos corridos, o Avaí já era o campeão, porque foi a equipe que teve a melhor performance durante toda a competição. Essa conquista do Returno apenas confirma o merecimento, além de ser o passaporte para a grande decisão. Vamos entrar com força máxima para conseguir este título — falou.

Chamusca não pode contar com importantes jogadores para o clássico na Ressacada. Sávio e Vandinho se machucaram no último jogo do Leão pela Copa do Brasil. Além dos dois, o atacante Leonardo também se recupera de lesão. O treinador explicou a entrada de Davi e Cristian no time titular:

— Sem Sávio, Vandinho e Leonardo, a gente deu a sorte do Cristian ganhar condições para este jogo. Lógico que ele não estava na sua condição ideal, mas ele se superou. É um jogador que estava há mais de um mês sem ter uma situação de jogo específica, de trabalho específico de bola, mas ele ajudou bastante e foi muito importante. Conseguimos ter o Cristian como atacante e o Davi, que fazia um segundo atacante, que segurava e circulava a bola. O Davi conseguiu fazer muito bem essa função e ele vem muito bem nos treinamentos. Essas duas situações foram importantes para este jogo porque a gente precisou da participação desses atletas neste momento decisivo — ressaltou.

Para o jogo de ida da final, o Avaí terá quatro desfalques certos: Zé Carlos, Rafael, Marcinho Guerreiro e Batista. Chamusca disse que não terá dificuldades para repor, pois tem boas opções no banco de reservas:

— Durante todo o Estadual tivemos esses problemas, de entrada e saída de jogadores, mas nossa equipe sempre se supera nessa situação. Nós temos jogadores, opções, temos Renan e Paes, e não vamos ter dificuldades em reformar a equipe com as outras peças que estarão fora. É o que eu falei para eles, 11 jogadores ganham jogo, mas para ganhar campeonato tem que ter é um grupo forte, como o Avaí tem.

Chamusca encerrou ressaltando o espírito guerreiro de sua equipe:

— Estamos em decisão em cima de decisão. Foi assim com o Grêmio, com o Figueirense e será com o JEC. Estamos tendo que jogar no limite. Perdemos alguns jogadores por causa dessa sequência, É a força do grupo e a superação de nossos atletas, tenho que ressaltar isso. Vamos pegar adversários que estão numa condição de repouso favoráveis — finalizou.
CLICESPORTES E CBN/DIÁRIO
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

.

Vídeos

Loading...

DICA EMPRESARIAL