15 de dez de 2010

Plano prevê 100% da população de Florianópolis atendida por sistema de esgoto até 2028

Projeto foi apresentado nesta segunda-feira na Assembleia Legislativa de Santa Catarina


Ter 100% da população de Florianópolis atendida por um sistema público de esgoto até 2028 é um dos projetos apresentados nesta segunda-feira, em uma audiência pública no auditório da Assembleia Legislativa de Santa Catarina. A meta faz parte do Plano Municipal Integrado de Saneamento Básico elaborado pela Secretaria Municipal de Habitação e Saneamento em parceria com comunidades da Capital.

Atualmente, Florianópolis tem 50% do esgoto coletado e tratado devidamente. O secretário municipal de Habitação e Saneamento, Átila Rocha, explica que a intenção com o plano é agilizar o processo para que, pelo menos, 70% da população seja atendida pelo sistema de saneamento básico a curto prazo.

— A partir do plano nós teremos metas estabelecidas, objetivas, claras, e que terão que ser cumpridas por cada operador de saneamento no município — explica Rocha.

Além do saneamento básico, o plano prevê outras metas para os próximos 20 anos em Florianópolis. Durante a audiência foram apontadas estratégias para o desenvolvimento sustentável, serviços de abastecimento de água, esgotamento sanitário, condução das águas da chuva e destinação do lixo doméstico.

Até chegar ao documento final, foram realizadas sete audiências públicas em comunidades da cidade para ouvir as sugestões da população. A primeira audiência foi feita no dia 22 de novembro no Ribeirão da Ilha e nos dias seguintes em Santo Antônio de Lisboa, Canasvieiras, Ingleses, Rio Tavares, Lagoa da Conceição e Coqueiros.

Agora o Plano deve ser encaminhado à Câmara de Vereadores para discussão. Se for aprovado, ainda será necessária a sanção do prefeito Dário Berger para que as ações comecem a ser implementadas.
DIARIO.COM.BR E RBS TV
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

.

Vídeos

Loading...

DICA EMPRESARIAL